Casa Cor Rio de Janeiro terá jardim Tidelli em um dos principais espaços da mostra

Cadé Marino, Michelle Wilkinson e Thiago Morsch, da UP 3 Arquitetura, estreiam na edição histórica de 30 ano da Casa Cor Rio do Janeiro da melhor forma possível, assinando um dos principais espaços da mostra carioca: a Casa UP.

Com 150 m² e conceito de loft, a residência foi construída do zero, a partir do desejo do trio de criar uma casa saudável, o que a torna forte candidata à certificação internacional Healthy Building Certificate – HBC, que confere selo especial a projetos que promovam saúde e bem-estar aos usuários após rigorosa avaliação dos elementos que compõem a obra, da idealização até a execução.

A construção, que remete a uma caixa verde camuflada no jardim, tem como cenário de fundo um muro de pedra. Seu interior traz ambientes integrados, livres de paredes, arejados e com projeto arquitetônico e de interiores extremamente contemporâneo. Os cômodos tradicionais foram pensados pelo seu uso, como receber e relaxar, amar e descansar, compartilhar e guardar memórias, purificar e renovar, instruir e aprender.

Em sintonia com o loft, a área externa se integra ao todo de forma harmoniosa. Em um amplo espaço de 140 m², rodeado pela natureza exuberante, pela intensidade do verde da Mata Atlântica, das plantas e das árvores, surge o jardim com móveis Tidelli.

Para que os visitantes possam aproveitá-lo com a segurança e o distanciamento necessários, os arquitetos criaram lounges espaçados com puffs e garden seat das linhas Marina e Soft, espreguiçadeiras Soft e mesas de centro Fusion e Spool, além de uma área de convivência com tapete Cloud, balanços duplo Kauai e almofadas Float. “Tidelli é referência quando o assunto é mobiliário externo. Os móveis são pensados, resistentes, têm um apelo de design muito forte, cores vibrantes e elegantes, e tudo isso tem muito a ver com o Rio de Janeiro”, ressalta o trio.

Segundo os arquitetos a escolha pela marca também tem a ver com a ideologia e o propósito da empresa. “Escolhemos parceiros que tenham a mesma mentalidade que nós, que estejam alinhados com a nossa ideologia”.

Balanço Duplo Kauai, Mesa Lateral Octa, Mesa de centro Fusion e Spool, Tapete Claud e Almofada Flutuante.

Trabalhando com a paleta de cores verde, cinza e rosa – definida propositalmente para integrar a casa com o entorno – os profissionais conseguiram reduzir o impacto da construção na natureza, tornando a área externa um verdadeiro espaço de apreciação. “Tudo que está ali, da moderna casa aos produtos Tidelli – conversa entre si, formando um conjunto”, explicam os arquitetos, que completam: “A ideia é que as pessoas possam sentar e admirar a vida existente no meio ambiente, que é linda”.

Cadé Marino, Michelle Wilkinson e Thiago Morsch destacam que a intenção é trabalhar os sentimentos e as experiências dos visitantes, despertando a curiosidade de quem vê a fachada, fazendo com que entrem e se sintam confortáveis dentro da casa, como se fosse o aconchego do lar, e possibilitando que desfrutem do criativo jardim, se conectando com a natureza do entorno. “É a união da natureza e do homem no mesmo local. Quem nos visitar vai conhecer um novo conceito em morar, alinhado com as tendências mundiais e nas transformações da sociedade em se relacionar com a própria casa”, finalizam.

Garden Seat e Puff Marina, Espreguiçadeira e Puff Soft e Mesa lateral Octa

A Casa Cor Rio de Janeiro acontece de 2 de março a 25 de abril, em um icônico casarão de estilo eclético, do século XIX, endereço da residência Brando Barbosa, no Jardim Botânico, rodeado por um jardim de 12 mil m² de Mata Atlântica.

Além da Casa Up a Tidelli estará presente na mostra em mais dos ambientes: na Sala de Almoço com Varanda, de Chico Gouvêa, e na Varanda do Quarto de Casal, de Anna Luiza Rothier.